Follow by Email

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Cheiros da vida

Passando, sempre,   em frente a uma universidade ela        cheira
                                                                            ela        cheira a minha
aos meus tempos
      meus                                         amigos de
      meus              conflitos                         de
      meus                             atritos              de

toda vez que passo em frente a uma universidade   ela me cheira

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

O que somos?

O que somos? O que nos tornamos? Quanto de nós se perdeu no caminho? O quanto se renovou? O que queríamos ? 
Vejo sorrisos, onde sei que lágrimas escorreram.
Vejo a vida se renovar nas nossas crianças, filhos, sobrinho, afilhados, amigos.
Vejo novas histórias sendo escritas, outras sendo relidas, outras aguardando o seu tempo de encerrar.
Nascemos com a certeza do fim e com a possibilidade de construirmos bons momentos com o que possuímos, com o que temos por hoje. Não nos alicerçando em ilusões do que seria, ou como será. mas com o que é, no presente do indicativo.
É por isso que nascemos, para transformar cada dia, no dia único que o torna, sem desespero, sem medo de que ele escorra por entre os dedos.
Dia dar um sorriso para o colega no serviço, de saborear um bolo feito pelos amigos. De enfrentar os dias que também são difíceis, aprender com eles, crescer, nos tornarmos mais fortes. De agradecer a Deus pelos bons presentes, pelas surpresas que cruzam nossas vidas assim de forma inesperada. Essas que podem ser um colega de classe que se torna o seu grande amor fraternal, essas belezas que chamamos de pai, mãe, irmãos, avós, cunhados, amigos. Essa é a vida cheia de mistérios mistos e bons também. E vez ou outra compartilhar de sentimentos de amor, de sentimentos de querer bem a pessoas que um dia eram tão comuns, tão flashs. Viver momentos sem medos livres de todas os nossos prés, momentos novos desarreigados de traumas inconscientes, que insistem em tirar da vida as característica de incertezas

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Jogados

Estar no mundo é estar em atrito com o mundo. Pena que nunca nos ensinaram isso quando eramos crianças. Nos jogaram no mundo em choque direto com ele, sem nos ensinar a dialogar, a enfrentar e entender que o mundo é um baú de diferenças e não de igualdades. Das duas uma, não ensinaram pois também não sabiam ou mentiram para nós.

sábado, 9 de maio de 2015

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Uma nova flor

Esta cidade, hoje, este mês, este ano.

Uma nova flor vou plantar

Oi, abri sem querer sua carta, mas senti necessidade de responder. Bella, quanta saudade tenho de ti, amiga. Dizes tu não compreender a loucura, digo eu, se tu és louca, sou tua companheira na camisa de força. Pois não vejo em ti loucura. Que riam de ti, de mim, e nós nem aí. Disseram-me hoje "está me dizendo que não tem voz?" . Mas Bella, eu tenho voz ela se chama poesia, conto, trecho, rabisco, frase que traduzido é voz  .Era verdade Bella, tem tempos que não escrevo, a minha voz estava amarrada no peito, num nó cego de marinheiro. E tua carta, tua áurea libertou a mim. Tanto tempo amiga, fiz tanto e no fim nada fiz. Descubro-me dia após dia, cada vez mais descalça, nua de tudo de gente até de mim mesma. E quanto mais me desvisto, mais roupas novas quero vestir  .Peço a ti, em retribuição, não chore no oculto entre quatro paredes, não o faça também escondida de quem dorme ao teu lado. Chore tinta sobre uma folha branca. Escreva sempre que sentir.Obrigada por ser.

Mande beijos para os fulanos, diga aos sicranos as boas novas, aos beltranos diga que não estamos nem aí. Bjs

domingo, 15 de dezembro de 2013

...........

Parei de ser eu.........tão assim de repente.......era tudo tão jogado......tão brusco.......ofensivo......era tudo tão eu.......era para continuar a ser mas,.........parei........parei de ser eu.........Estava tudo indo bem + ou - bem..........mentira, caminhava tudo para pior muitos + pior mas,.............parei...........cansei de ser eu.Mas, ............parei e pensei.......pra que ser eu? 

......



Vem meu doce encanto
Vem que te encontro no caminho
Toca sem medo a campanhinha
Espera sem angústia por respostas


Vem
Vem
Vem

Vem que todos os dias espero
E olho ......... olho ..............olho
Ao redor nada indica

Vou-me
E durmo.