Follow by Email

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Meu porto seguro


Vem que eu te consolo minha criança
Senta no meu colo
Envolva-se em meus braços
E eu te balanço...
Vem minha pequena criança
Deixa-me te amar

Cuidar de ti
Proteger-te

Hoje a noite é longa
E fria...
O céu está menos azul
Cinza
...
...
Negro...
A lua se escondeu
E as estrelas fugiram
O sol anuncia a sua renúncia em levantar
Esta noite terá mais horas
Entra aqui no meu quarto

E deixe-se...estar comigo
......................
Só esta noite
Ela é longa mesmo
......................
Eu me vejo em teus olhos
Meu bebê
Meu pequeno doce
Canto para ti uma cantiga de ninar
No simples e singelo
Nananam 
E tu te encarregas de pôr sons, acordes, rimas
E esta noite será assim
Eu e você
Dorme no calor do meu corpo
No meu aconchego
Meu cheiro
E leva para o mundo dos sonhos as muitas lembranças
Põe um sorriso no teu rosto
E olha-se no espelho
Estou lá
Na tua felicidade
No teu bem querer
Ame meu amor
E seja amado
Dias difíceis vieram
Outros difíceis virão
Não temas
Sofre apenas o suficiente
Depois olhe no espelho
E se sorrir me encontrará
Eu viverei eternamente na tua saudade
E ganharei sempre vida nas tuas lembranças
Contadas e recontadas
Conte
Aquele dia de sol
Conte
Eu e você no silência de uma mesa
Conte
Num sorriso de uma foto
Conte
Num abraço de "cheguei"
Conte
Num beijo de "não demore"
Conte
Aquele olhar de "juízo"
Conte muitas
E muitas
Pois tu... as possui
Os que não me conhecem
Creia quando digo
Esses sofrem mais  
Acredite minha pequena
Eles não têm nada que os conforte.