Follow by Email

domingo, 15 de dezembro de 2013

...........

Parei de ser eu.........tão assim de repente.......era tudo tão jogado......tão brusco.......ofensivo......era tudo tão eu.......era para continuar a ser mas,.........parei........parei de ser eu.........Estava tudo indo bem + ou - bem..........mentira, caminhava tudo para pior muitos + pior mas,.............parei...........cansei de ser eu.Mas, ............parei e pensei.......pra que ser eu? 

......



Vem meu doce encanto
Vem que te encontro no caminho
Toca sem medo a campanhinha
Espera sem angústia por respostas


Vem
Vem
Vem

Vem que todos os dias espero
E olho ......... olho ..............olho
Ao redor nada indica

Vou-me
E durmo.

Beijos, beijos, beijos



Destruo a beleza num traço
E refaço
E a ti encho de cores e amores
Não teme o meu coração?!

Não quero o mundo no meu quarto
Quero assim no silêncio
O alguém que more comigo
E só comigo sabe desse lugar

Fiz versos para dizer:
Às vezes te odeio
E é sincero

Odeio o que não conheço
E quem disse que amo
O que penso conhecer?!

Beijos, beijos, beijos